social link youtube social link twitter social link facebook

    logotipo mm


    patreon

    barra vermelha

    Ao mestre, com carinho

    Tezza me chamou para entrar em seu carro (um Lada que acho que era vermelho). Foi extremamente simpático. Pegou meu envelope. E leu. E, mestre que foi e sempre será, me criticou com a ênfase que o menino merecia.

    Um Capra contemporâneo contra o Zeitgeist

    A Vida em Si é um desastre de crítica e um fracasso de público. A maioria dos textos que circulam por aí a respeito do filme o chama de dramalhão, diz que é tudo um grande exagero. Me surpreendo, mas não muito. Do começo ao fim, A Vida em Si vai contra o Zeitgeist.

    A miserável vida dos primitivos antes do Advento (trecho)

    “De quatro em quatro voltas da Terra em torno do Sol, os primitivos escolhiam os Primitivos Melhores do que os Piores num ritual demorado e muitas vezes violento chamado ‘eleizoez’. Nesse período, se dividiam em ‘phartyd0s’, cada qual tentando provar que era mais digno de controlar o poder da democracia”.

    Foda-se o Museu Nacional!

    Claro que o impropério que dá título a este texto é uma provocação (e, se você chegou até aqui, uma provocação bem-sucedida). Museus são importantes em qualquer sociedade minimamente civilizada. A questão não é a relevância do acervo deste ou daquele museu. A questão é que passamos e desaparecemos.

    A frase

    — Por quê, meu Deus?! Por quê? — se perguntava a assassina viúva. Era teatro. Rebeca sabia muito bem por que tinha matado o marido. Foi por causa da frase. Da frase e da concepção da frase. Mas isso ela jamais admitiria.

    Receba a newsletter

    Joomla Forms makes it right. Balbooa.com

    patreon

    ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

    Mínimo Múltiplo

    Porto Alegre - RS

    Rua João Abbott, 283/202
    Petrópolis - Porto Alegre/RS - CEP 90460-150
    By iweb